Login
Registar
  • por
  • spa
  • eng
  • br

Vinomatos inicia mega projeto de plantação de olival

A Vinomatos iniciou mais um mega projeto de prestação de serviços de plantação com números verdadeiramente impressionantes, já que falamos de mais de 400 ha de olival, em regime super intensivo, em Aljustrel, Alentejo.

Após uma primeira fase que durou cerca de 2 meses na qual foi efetuada a preparação de terreno, decorre agora a fase da plantação propriamente dita, recorrendo à tecnologia da máquina plantadora Oliva e respetivas equipas de plantação da Vinomatos.  

Estão, nesta altura, 4 tratores a trabalhar simultaneamente no terreno, com as respetivas máquinas de plantação dotadas de um sistema de GPS da marca americana Trimble que permite plantar com precisão centimétrica. 

Este é mais um gigantesco projeto da Vinomatos, especialista em plantação mecanizada de vinha, olival e árvores de fruto que tem vindo a conquistar cada vez mais clientes, numa altura em que a agricultura ganha uma nova dinâmica.   

Para além dos projetos “chave-na-mão”, a Vinomatos é também fabricante da máquina plantadora Oliva que planta e rega ao mesmo tempo e que está equipada com sistema de guia e posicionamento por satélite, o que permite plantar com margens de erro mínimas. 

A Vinomatos foi pioneira neste tipo de plantação. A Oliva é uma máquina polivalente que planta em linha tutores de 0,60 a 2,60 (e outras plantas) e rega-as em simultâneo. A máquina está equipada com um sistema de guia e posicionamento por satélite, de um carregador lateral, de um planta tutor com compensação avançada e de uma bomba de rega.

A máquina abre um rego com profundidade de 30 cm, o tutor é plantado, a planta é posicionada depois do tutor, a terra começa a cobrir a planta e a água é posteriormente injetada com um volume de 1 a 4 litros de água por cada pé. De seguida, o rego é totalmente fechado por duas pás montadas num paralelogramo.

O conjunto de funções é comandado pelo autómato que dá os pontos precisos da plantação do tutor, das plantas e da sua rega, bem como o alinhamento das plantas na linha e na perpendicular assim como o espaçamento entre as filas.

O autómato procura as suas informações no sistema de dados satélite e para isso é necessário ter uma base no solo que nos dá uma posição. Depois é também necessário ter uma base no trator que permite conhecer ao centímetro a sua posição.

Publicado em: 30 SET 2015
GalleryGalleryGallery