Login
Registar
  • por
  • spa
  • eng
  • br

Boge com produção em série de tecnologias turbo individualizadas para cada cliente

Para garantir sempre a máxima fiabilidade, BOGE realizou um grande investimento na sua nova fábrica em Bielefeld. 

Com mais de 2.000m² de superfície, a fábrica conta com inovadoras tecnologias de produção que asseguram uma alta qualidade de fabrico. Uma combinação de digitalização e automatização unidas com uma interação inteligente entre homem e máquina são a chave para fabricar o BOGE HST. Inovador, único e individualizado para cada cliente; estas são as características de design do turbocompressor de alta velocidade BOGE HST. Com mais de 100.000 rotações por minuto durante o trabalho, todos os componentes têm de ser perfeitamente montados.

Maior eficiência com menos componentes
Graças a uma radical redução no número de componentes (os compressores reduziram o seu tamanho a metade e o seu peso a um terço) e ao extraordinário princípio construtivo que garante um funcionamento com pouco desgaste, os compressores BOGE HST permitem uma eficiência máxima e custos de manutenção mínimos. Os compressores da série HST convencem até nas aplicações mais exigentes, nas que é de vital importância um ar comprimido sem contaminações: indústria farmacêutica, indústria alimentar, fabrico de semicondutores, oficinas de pintura industrial (p. ex. cabines de pintura onde a contaminação com óleos provoca graves prejuízos)...

Ar comprimido 100% isento de óleo
Apenas onde não há óleo, o ar não é contaminado. Por este motivo, os novos compressores High Speed Turbo são construídos de forma a que o sistema de acionamento prescinda de lubrificação. Assim pode confiar num ar comprimido 100% isento de óleo. Sempre que precise de ar comprimido isento de óleo e de forma contínua, com a Tecnologia High Speed Turbo da BOGE obtém ainda níveis de poupança impensáveis até agora.

Vantagens da Série HST
• Ausência total de óleo, não apenas no ar comprimido (ar comprimido 100% livre de óleo, Classe 0), mas também no sistema mecânico.
• Compressores extremamente compactos e ligeiros.
• Nível sonoro incomparavelmente menor.
• Mínimos custos de manutenção e serviço.
• Longa vida útil.
• Regulação de frequência integrada.
• Redução do consumo energético em mais de 50%.

Publicado em: 10 JAN 2018
GalleryGalleryGalleryGallery