Login
Registar
  • por
  • spa
  • eng
  • br
Tratores Agrícolas Novos 2017

Mercado de tratores agrícolas novos em Portugal

2017, UM BOM ANO NO COMÉRCIO DE TRATORES AGRÍCOLAS EM PORTUGAL.

No ano passado perguntávamo-nos se a ultrapassagem das 5.000 unidades vendidas seria um pronuncio de viragem do mercado nacional de tratores. Passado 1 ano não podíamos estar mais satisfeitos, o mercado cresceu cerca de 13,8% ultrapassando as 6000 unidades. Facto que já não ocorria há 10 anos.

O investimento agrícola está a aumentar fortemente, e caso não existissem algumas nuvens negras no horizonte, como as persistentes secas que assolam quase constantemente o nosso país, estaríamos certamente perante alguns dos melhores anos, no que ao mercado de tratores agrícolas diz respeito!

A conversão agrícola nacional continua a decorrer a bom ritmo, as propriedades são agora maiores, geridas de forma mais profissional e gerando maior valor acrescentado. A agricultura de sequeiro vem sendo substituida por uma agricultura de regadio que vê no Alqueva o farol para o restante país.

No entanto, não podemos deixar de notar que o forte crescimento do mercado de tratores deste ano ocorreu principalmente nos últimos meses e tal facto não parece estar desligado da necessidade de matriculações derivadas da entrada em vigor, em janeiro de 2018, de novas regulamentações para o comércio de tratores, nomeadamente a já famosa Mother Regulation.

Mercado de tratores agrícolas novos
O mercado de tratores agrícolas em 2017 alcançou as 6.005 unidades crescendo 13,8% face a 2016. Em 2017, pela primeira vez na história, a Kubota foi a marca mais vendida com 1.041 unidades e uma quota de mercado a chegar aos 17,34%, que representa uma forte subida face à quota de 14,63% obtida pela marca japonesa em 2016, ultrapassando no mês de Dezembro o crónico primeiro classificado desta

corrida - a New Holland que ficou muito perto com 1.026 unidades. Em terceiro lugar ficou a John Deere com 575 unidades, com uma subida quota de mercado de 8,94% para 9,58%.

Como grupo merece destaque a SDF com as suas 4 marcas (Same, Deutz-Fahr, Lamborghini e Hurlimann) que alcançou as 1.292 unidades vendidas ao longo de 2017.

Evolução por escalões de potência
O escalão de potência mais representativo no mercado nacional continua a ser o dos 40-59 CV. A marca dominadora neste escalão é a New Holland. O seguinte escalão de potência mais vendido é o de 30-39 CV, aqui o líder destacado é a Kubota. De realçar que no escalão de potência mais elevada (acima dos 184 CV) o líder destacado é a John Deere.

Análise por tipologia de trator
Considerando a tipologia dos tratores a Kubota destacou-se imenso nos tratores compactos e a New Holland esteve claramente à frente nos tratores convencionais e especializados.

Em termos de distribuição (importadores/filiais de fábrica) este foi um ano bastante calmo, não tendo havido significativas “mudanças de cadeiras”.

Merece destaque, no entanto, o facto de algumas das principais marcas se estarem a assumir também como players relevantes no mercado das alfaias, quer seja através de acordos comerciais ou de puras aquisições. É o caso da Kubota com a aquisição recente da Kverneland e a sua entrada no abrangente portfólio de produtos. É também o exemplo da New Holland com a aquisição da Kongskilde, ou o caso da John Deere com a compra da Monosem. Estes são apenas alguns casos de uma abordagem muito mais ampla que chegará certamente ao mercado no futuro próximo.

Estatísticas Globais Mercado Tratores 2017 Estatísticas por Potência Mercado Tratores 2017